Administradores, no Rio de Janeiro, tem salário mínimo profissional.

2

A discussão sobre um salário mínimo para os Administradores é uma das questões que interessam, diretamente, a todos os colegas. Infelizmente apenas os Engenheiros tem um salário mínimo profissional a nível federal no Brasil. Depois da aprovação deste salário mínimo, nenhuma outra categoria logrou exito em conseguir uma medida igual. A câmara dos deputados já analisou, e rejeitou, vários projetos semelhantes, inclusive para os administradores.

A única ação próxima com sucesso foi a conseguida pelo Sindicato dos Administradores no Estado do Rio de Janeiro que conseguiu incluir na lei do salário mínimo no ERJ – Lei Nº 8315 DE 19/03/2019, a categoria dos Administradores (CBO 2521-05) . Por esta lei, os Administradores do ERJ devem ganhar, como salário mínimo, o valor de R$ 3.158,96 (três mil cento e cinquenta e oito reais e noventa e seis centavos).

Segundo o vice presidente do SINAERJ, Adm Julio Reis, “vendo de maneira isolada o valor até poderia ser maior, mas considerando que é o salário mínimo, e que muitas pequenas empresas chegam pagar até menos que R$2.000,00, ter uma lei estadual garantindo este direito, já é um grande avanço”.

2521 :: Administradores

Títulos
2521-05 – Administrador, Administrador de empresas, Administrador de marketing, Administrador de orçamento, Administrador de patrimônio, Administrador de pequena e média empresa, Administrador de recursos humanos, Administrador de recursos tecnológicos, Administrador financeiro, Administrador hospitalar, Administrador público, Analista administrativo, Consultor administrativo, Consultor de organização, Gestor público (administrador) 

Descrição Sumária
Planejam, organizam, controlam e assessoram as organizações nas áreas de recursos humanos, patrimônio, materiais, informações, financeira, tecnológica, entre outras; implementam programas e projetos; elaboram planejamento organizacional; promovem estudos de racionalização e controlam o desempenho organizacional. Prestam consultoria administrativa a organizações e pessoas.

Fonte: mtecbo.gov.br

Mestrado de qualidade em Universidade pública e 100% gratuito – COPPEAD UFRJ

Formação de qualidade

O Coppead é uma das melhores escolas de negócio do mundo e oferece o único Full-Time MBA no Brasil que segue os padrões internacionais de qualidade em treinamento de líderes em negócios para uma atuação global. Por isso, o programa tem parceria com 42 escolas de alto padrão em todos os continentes. Além disso, por fazermos parte da mais tradicional Universidade Federal brasileira, o nosso programa é 100% gratuito e corresponde no Brasil a um mestrado stricto sensu.

No Coppead, os alunos estão imersos em um ambiente internacional e diversificado, dentro de um programa oferecido inteiramente em inglês e que recebe candidatos de diversos países e estados do Brasil. Isso permite uma experiência diferenciada em sala de aula, associada à formação de um networking global. Nossos alunos são desafiados a se reinventarem como líderes e cidadãos globais que fazem a diferença. É por isso que entendemos nosso programa como uma oportunidade de transformação, onde o aluno capacita-se profissionalmente, mas, sobretudo, constrói uma nova versão de si mesmo.

Fonte: Coppead – https://www.coppead.ufrj.br/pt/mestrado/

Empresa Jr. Unijui

Da Universidade para a vida

Logo que iniciei os estudos, na Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul, popularmente conhecida como Unijuí, confesso que não sabia ao certo o que estava buscando, sabia da necessidade de buscar pelo conhecimento, pelo estudo, isto sim, mas a certeza do que exatamente buscava não fazia parte dos meus pensamentos, na época.

Tão real este sentimento que, lembro-me em uma noite em sala, a professora instigou-nos a falar sobre as motivações pela escolha do curso, em um tom um pouco descontraído, lembro-me de ter dito: “não sei certo o curso que gostaria de realizar e então por este motivo escolhi Administração.”

Esta experiência ficou na memória, dando lugar para outras novas e desafiadoras, da vida acadêmica, e do curso escolhido. Um mix de sentimentos e novas sensações por romper barreiras, por entender o processo, o surgimento da história administrativa, das grandes mentes brilhantes e seus tão conceituados livros, servindo como “bíblia” não apenas como referências bibliográficas, entender o processo do pensador, é fundamental para o crescimento, tanto de nós mero indivíduos quanto em sociedade.

Uma das experiências mais marcantes da minha vida acadêmica, teve início em 2015, como voluntária na Empresa Jrº, tive a oportunidade de fazer parte da equipe como Presidente, no ano seguinte. Foram experiências de trabalho, de consultoria, aplicação de questionários, pesquisa de mercado, tabulação, a importância dos dados e das relações tornaram-se mais essenciais que já estavam. Formamos um time muito bacana, com camisetas personalizadas, com registro de ata das reuniões, com previsões de tarefas, e por vezes não conseguíamos dar conta da demanda trazida. Os contatos eram feitos pelo público externo na Universidade, que entrava em contato conosco explicando a necessidade, o próximo passo era marcarmos uma reunião para troca de ideias, sempre em conjunto de um professor que nos auxiliava, dando suporte e credibilidade.

Com a crescente aceleração tecnológica, está mudando a maneira de composição das empresas, inclusive as novas formas de reuniões, a organização dos processos ajudou muito na minha visão empresarial. Organizamos eventos acadêmicos, e de certa forma posso dizer por todos do grupo, sentíamos importantes em representar a Universidade, um estágio dentro da própria Universidade.

Todos os estudantes, independente do curso, mas principalmente futuros Bacharéis de Administração deveriam passar pela experiência que passei, deveriam buscar novas formas de aprender, de se inserir, de arriscar, inclusive em eventos que não sejam específicos da sua área de atuação, aumenta sua visão e o fato de você sair da caixinha já vale a pena, e muito.

Hoje quase me formando, felicíssima na área e profissão que escolhi, não me vejo em outro lugar, administração tem em tudo, é essencial para a empresa, seja pequena, média ou grande, podendo ser Microempresário Individual ou concursado, não importa, importa a forma como você se reinventa, como aproveita as oportunidades que a vida lhe dá, isso vai deixar você mais fraco ou mais forte.

Equipe da Empresa Junior

Contribuição de:
Karla Letícia Morais da Silva
Estudante 7º semestre de Bacharel em Administração
Unijuí

Conheça a EA ALUMNI – UFRGS

Uma iniciativa muito interessante que merece ser valorizada e disseminada, é a EA ALUMNI – UFRGS. Alumni é um termo em latim e significa ex-aluno, utilizado para designar graduados ou bacharéis em uma universidade. Entre outros objetivos, é uma forma dos ex-alunos agradecerem a formação recebida com qualidade e, no caso das Universidades Públicas, gratuitamente, e assim retribuir à instituição educacional e aos futuros colegas.
Esta, do curso de Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, conta com um projeto muito interessante de engajamento de colegas formados na UFRGS e com ações como Encontros coletivos com alunos e ex-alunos, Mentoria para os alunos que se formarão em 2019 e 2020, entre outras ações.
As iniciativas já desenvolvidas e em curso, podem ser conhecidas através dos canais de comunicação da entidade, em especial no site, hospedado nos servidores da universidade, que esta em: https://www.ufrgs.br/alumni-ea/

Estudo indica que Câmara Federal tem na sua composição 11,3% de Administradores

A Câmara dos Deputados em Brasília, local onde esta, democraticamente, a representação da sociedade brasileira pode se dividir entre vários grupos representativos dos vários interesses políticos que estão presentes em nossa sociedade. Temos a representação formal através dos vários partidos, mas também temos vários divisões em função de outros temas de interesse. neste sentido nos interessou saber como anda a representatividade dos Administradores no Congresso Federal.

Para chegar nestes números, levamos em consideração a declaração dos parlamentares quando à suas profissões. O número final pode até ser maior já que alguns Deputados dizem ter nível superior, mas não informam qual a sua profissão. De toda a forma para esta soma, consideramos os que são Administradores e que assumiram esta condição e que estão no exercício do mandato. Não tivemos como confirmar quais deles são registrados nos seus respectivos CRA´s, fica esta tarefa para os respectivos Conselhos.

De toda a forma o resultado é positivo. No levantamento feito com os parlamentares da 55ª legislatura (de 2015 a 2019) tínhamos 7,8 % de representação. Já na legislatura atual, 56ª (de 2019 a 2023) passamos a ter 11,3% dos 513 parlamentares federais.

Para todos nós Administradores, é importante saber quem são nossos colegas em Brasília para que possamos cobrar dos mesmos ações que fortaleçam nossa profissão.

Abaixo a relação destes Deputados. Acompanhe seus mandatos e cobre sua representação.

Alan RickACDEM
Antonio BritoBAPSD
Felix Mendonça JrBAPDT
Cacá LeãoBAPP
BacelarBAPodemos
Raimundo CostaBAPL
Paulo AziBADEM
Oto Alencar FilhoBAPSD
Heitor FreireCEPSL
Junior ManoCEPL
Moses RodriguesCEMDB
Celina LeãoDFPP
Paula BelmonteDFCidadania
Evair Vieira de MeloESPP
Glaustin FokusGOPSC
Lucas Vergilio GOSolidariedade
Hildo RochaMAMDB
Pedro Lucas FernandesMAPTB
Diego AndradeMGPSD
Mario HeringerMGPDT
Rodrigo de CastroMGPSDB
Stefano AguiarMGPSD
Tiago MitraudMGNOVO
Dagoberto NogueiraMSPDT
Celso SabinoPAPSDB
Aguinaldo RibeiroPBPP
Rui CarneiroPBPSDB
Daniel CoelhoPECidadania
Fernando Coelho FilhoPEDEM
Gonzaga PatriotaPEPSB
Luciano BivarPEPSL
Atila LiraPIPSB
Rejane DiasPIPT
Diego GarciaPRPodemos
Fabio Faria RNPSD
Walter AlvesRNMDB
Christino AureoRJPP
Paulo RamosRJPDT
Haroldo CathedralRRPSD
Henrique FontanaRSPT
Marlon SantosRSPDT
Coronel ArmandoSCPSL
Geovania de SáSCPSDB
Bosco CostaSEPL
Fabio MitidieriSEPSD
Laercio OliveiraSEPP
Adriana VenturaSPNOVO
General PaternelliSPPSL
Guiga PeixotoSPPSL
Luiz Philippe de Orleans e BragançaSPPSL
Marcio AlvinoSPPL
Marco BertaiolliSPPSD
Maria Rosas SPRepublicanos
Nilto TattoSPPT
Paulo Pereira da SilvaSPSolidariedade
Vinicius CarvalhoSPRepublicanos
Vinicius PoitSPNOVO
Carlos Henrique GaguimTODEM

Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados

Mentoria.Adm

Projeto Mentoria.Adm

O Portal Administradores.Adm esta disponibilizando para estudantes e recém-formados em Administração, a possibilidade de tirar dúvidas e obter esclarecimentos sobre a carreira de Administrador. Os inscritos e selecionados para fazer parte dos grupos poderão interagir com profissionais experientes e com conteúdo de qualidade para esta ajuda.

Os participantes terão à disposição canais digitais para interagir com cada mentor para sanar suas dúvidas e poder definir uma rota, uma estratégia, um caminho para iniciar na carreira.

Quais são as regras e como vai funcionar o projeto:

1 – Os interessados poderão se inscrever enviando um e-mail para contato@administradores.rio.br onde deverá informar:

– Nome completo e idade;

– Cidade e Estado de Residência;

– Endereço de e-mail;

– DDD e número de telefone com Zap;

– Nome da faculdade onde estuda ou estudou Administração;

– Previsão de formatura ou data de conclusão do curso;

– Qual o grupo de interesse na inscrição.

Informar no assunto do e-mail: “Projeto Mentoria”

2 – O projeto funcionará de 01 a 31 de outubro e os atendimentos se darão em função da disponibilidade dos mentores que estarão disponíveis através de grupo de debate e de e-mail;

3 – O projeto é gratuito e não significará nenhuma obrigação formal dos participantes com os mentores ou com o Portal Administradores.Adm;

4 – Os interessados somente poderão se inscrever em um único grupo;

5 – Cada grupo terá, no máximo, 25 pessoas inscritas e com a participação de um mentor e de um moderador para ajudar na condução do grupo;

6 – Os selecionados receberão a confirmação da inscrição antes do inicio do projeto, por e-mail e por publicação no Portal Administradores.Adm

7 – Teremos 5 grupos temáticos:

7.1 – Administração Pública
Voltado para interessados em atuar em governos (municipais, estaduais ou federais).

Mentor:
Adm Lucas Guimarães
Secretário Municipal de Administração da Prefeitura de Teresópolis – RJ. Consultor do SEBRAE na implantação de Políticas Públicas para o Desenvolvimento Econômico Sustentável;

7.2 – Compras, Aquisições e Suprimentos

Mentor:
Adm Dacio Antonio Machado de Souza
Profissional com grande experiência na área Compras, Aquisições e Suprimentos onde já atuou como Supervisor, Gerente e Consultor. Também é professor em curso de Administração.

7.3 – Estratégia e Administração

Mentor:
Adm Daniel Roedel
Doutor em Administração, pesquisador no tema, atualmente residindo em Portugal onde desenvolve Pós DOC na área;

6.4 – Administração de condomínios

Mentor:
Adm Antonio Marcos de Oliveira
Profissional da área com larga experiência em condomínios de diversos tamanhos. Premiado pela ABADI como profissional do ano;

7.5 – Administração no Terceiro Setor

Mentora:

Adm Claudia Fragoso
Bacharel em Administração pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP) e em Letras (Português e Espanhol) pela Universidade São Paulo (USP). Especialista em Economia do Trabalho e Sindicalismo pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Mais de 20 anos de atuação profissional junto ao movimento sindical, presta consultoria em administração e finanças a sindicatos pela Gerativa Administração Sindical.

Semana de Administração em PE e SC

Acontece neste mês de setembro, nas Universidades de Pernambuco e de Santa Catarina, suas respectivas Semanas Acadêmicas de Administração. Eventos importantes para permitir o debate entre os estudantes e profissionais de administração ou de áreas próximas são de suma importância na formação dos jovens, futuros profissionais.
Na UFPE acontece entre os dias 09 e 12 /09 e na UFSC entre 03 e 05/09.
Nos do Administradores. Adm parabenizamos os organizadores e desejamos sucesso.

Mais informações:

https://www.facebook.com/caad.ufsc

https://www.facebook.com/semanadeadmufpe/?tn-str=k*F

Você já ouviu falar em Mary Parker Follett?

Todo estudante de Administração já leu ou já ouviu falar em Taylor, Fayol e Ford, mas não em Mary Parker Follett. nascida em 1868 e falecida em 1933. Viveu de perto a grade depressão de 1929 que virou de cabeça para baixo o capitalismo americano e deu margem para o fortalecimento da Teoria das Relações Humanas, uma visão mais progressista que colocou o trabalhador como figura importante dentro do processo produtivo, o que não era considerado até então.

Mary Parker Follett, defende que o papel das empresas vai além do meramente comercial, e deve considerar também um papel que poderíamos chamar de social onde as empresas são parte da sociedade e tem que considerar para além do lucro, a interação do meio onde esta. Vemos esta tese muito considerada nos dias de hoje pelas empresas quando defendem a meio ambiente e a sustentabilidade entre outros pontos. Em sua época, auge do capitalismo clássico, ela chegou a ser chamada de marxista, na verdade era uma visionária, que acreditava que a sociedade e as empresas deveriam ajudar a tornar a sociedade mais justa.

Avance na sua forma de ver a Administração. leia sobre esta pensadora da nossa profissão.