Concurso com vaga para administrador – UFF

A Universidade federal Fluminense lançou edital para concurso com vagas para Administrador, entre outras profissões, em várias cidades:
Niterói
Angra dos Reis
Santo Antonio de Pádua

As inscrições estarão abertas no período entre 03 e 31 de março.
Uma alternativa para se colocar na agenda para quem precisa de colocação.

Edital em:


http://www.coseac.uff.br/concursos/uff/2020/pdf/UFF-Edital-337-2019-Edital.pdf

Vamos falar de Administração à partir do olhar de quem esta no interior do Brasil?

Nós aqui no Administradores.adm notamos que dos muitos colegas e estudantes que acompanham nosso trabalho aqui no portal vem de muitos locais do Brasil, e destes, uma quantidade considerável, vem de cidades pequenas e médias. Para listar algumas cidades de colegas que se inscreveram recentemente, entre outras, temos:
Caconde – SP – 19.000 habitantes;
Cianorte – PR – 100.000 habitantes;
Colômbia – SP – 6.000 habitantes;
Diamantina – MG – 42.000 habitantes;
Guapimirim – RJ – 57.000 habitantes;
Machado – PE – 42.000 habitantes;
Milagres – BA – 10.000 habitantes;
Pantano Grande – RS – 10.000 habitantes;
Paraguaçu Paulista – SP – 45.000 habitantes;
Paranaíba – MS – 40.000 habitantes;
Pirassununga – SP – 75.000 habitantes;
Rio Pomba – MG 18.000 habitantes;
Rolândia – PR – 64.000 habitantes;
Santa Tereza – ES – 23.000 habitantes;
São Bento do Sul – SC – 85.000 habitantes;
Terra Boa – PR – 17.000 habitantes;
Tietê – SP – 42.000 habitantes;
A nossa formação, nossos anseios profissionais (principalmente os mais jovens), a baixa qualidade média das formações, o mercado de trabalho que não é claro etc já nos coloca um caldeirão de conjecturas sobre o futuro e como progredir, quando estamos nos grandes centros que tem mais oportunidades. Como será então nos pequenos é médios municípios?

Queríamos fazer um convite para estes colegas e futuros colegas, que nos escrevam contando sobre a realidade da profissão em suas cidades. Gostaríamos de pensar uma forma concreta de ampliar esta discussão, de ajudar os mais jovens e de pensar como esta proximidade digital poderia nos ajudar a criar uma comunidade com este foco. Escreva sobre. Aguardamos seu contato.

Adm Edson Machado
Editor do Administradores.adm
contato@administradores.rio.br

Revistas Acadêmicas de Administração

O curso de Administração nas universidades brasileiras é um dos maiores do Brasil em número de alunos. Algo em torno de 80% dos cursos são em IES´s privadas, muitos deles com qualidade duvidosa. Vemos, cada vez mais cursos de EAD, com preços muito baixos, até promoções com custo irrisório para atrair alunos encontramos.

Ainda assim temos visto surgir uma grande quantidade de revistas científicas dedicadas aos cursos de Administração, com conteúdo de qualidade e pesquisas importantes.

Penas que a grande maioria destas revistas são em IES´s públicas, as privadas parecem não valorizar a pesquisa e o desenvolvimento científico.

Parabenizamos as iniciativas e ajudamos na divulgação das mesmas. Torcemos para uma multiplicação destas iniciativas, e no crescimento da formação dos futuros Administradores e Professores de Administração.

Abaixo algumas das principais Revistas de Administração científicas:

Revista de Administração de Empresa da FGV SP
Revista de Administração Contemporânea – ANPAD
Revista de Ciências da Administração – RCA – UFSC
Revista Eletrônica de Administração – UFRGS
Revista de Administração da USP

Administradores, no Rio de Janeiro, tem salário mínimo profissional.

2

A discussão sobre um salário mínimo para os Administradores é uma das questões que interessam, diretamente, a todos os colegas. Infelizmente apenas os Engenheiros tem um salário mínimo profissional a nível federal no Brasil. Depois da aprovação deste salário mínimo, nenhuma outra categoria logrou exito em conseguir uma medida igual. A câmara dos deputados já analisou, e rejeitou, vários projetos semelhantes, inclusive para os administradores.

A única ação próxima com sucesso foi a conseguida pelo Sindicato dos Administradores no Estado do Rio de Janeiro que conseguiu incluir na lei do salário mínimo no ERJ – Lei Nº 8315 DE 19/03/2019, a categoria dos Administradores (CBO 2521-05) . Por esta lei, os Administradores do ERJ devem ganhar, como salário mínimo, o valor de R$ 3.158,96 (três mil cento e cinquenta e oito reais e noventa e seis centavos).

Segundo o vice presidente do SINAERJ, Adm Julio Reis, “vendo de maneira isolada o valor até poderia ser maior, mas considerando que é o salário mínimo, e que muitas pequenas empresas chegam pagar até menos que R$2.000,00, ter uma lei estadual garantindo este direito, já é um grande avanço”.

2521 :: Administradores

Títulos
2521-05 – Administrador, Administrador de empresas, Administrador de marketing, Administrador de orçamento, Administrador de patrimônio, Administrador de pequena e média empresa, Administrador de recursos humanos, Administrador de recursos tecnológicos, Administrador financeiro, Administrador hospitalar, Administrador público, Analista administrativo, Consultor administrativo, Consultor de organização, Gestor público (administrador) 

Descrição Sumária
Planejam, organizam, controlam e assessoram as organizações nas áreas de recursos humanos, patrimônio, materiais, informações, financeira, tecnológica, entre outras; implementam programas e projetos; elaboram planejamento organizacional; promovem estudos de racionalização e controlam o desempenho organizacional. Prestam consultoria administrativa a organizações e pessoas.

Fonte: mtecbo.gov.br

Mestrado de qualidade em Universidade pública e 100% gratuito – COPPEAD UFRJ

Formação de qualidade

O Coppead é uma das melhores escolas de negócio do mundo e oferece o único Full-Time MBA no Brasil que segue os padrões internacionais de qualidade em treinamento de líderes em negócios para uma atuação global. Por isso, o programa tem parceria com 42 escolas de alto padrão em todos os continentes. Além disso, por fazermos parte da mais tradicional Universidade Federal brasileira, o nosso programa é 100% gratuito e corresponde no Brasil a um mestrado stricto sensu.

No Coppead, os alunos estão imersos em um ambiente internacional e diversificado, dentro de um programa oferecido inteiramente em inglês e que recebe candidatos de diversos países e estados do Brasil. Isso permite uma experiência diferenciada em sala de aula, associada à formação de um networking global. Nossos alunos são desafiados a se reinventarem como líderes e cidadãos globais que fazem a diferença. É por isso que entendemos nosso programa como uma oportunidade de transformação, onde o aluno capacita-se profissionalmente, mas, sobretudo, constrói uma nova versão de si mesmo.

Fonte: Coppead – https://www.coppead.ufrj.br/pt/mestrado/

Empresa Jr. Unijui

Da Universidade para a vida

Logo que iniciei os estudos, na Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul, popularmente conhecida como Unijuí, confesso que não sabia ao certo o que estava buscando, sabia da necessidade de buscar pelo conhecimento, pelo estudo, isto sim, mas a certeza do que exatamente buscava não fazia parte dos meus pensamentos, na época.

Tão real este sentimento que, lembro-me em uma noite em sala, a professora instigou-nos a falar sobre as motivações pela escolha do curso, em um tom um pouco descontraído, lembro-me de ter dito: “não sei certo o curso que gostaria de realizar e então por este motivo escolhi Administração.”

Esta experiência ficou na memória, dando lugar para outras novas e desafiadoras, da vida acadêmica, e do curso escolhido. Um mix de sentimentos e novas sensações por romper barreiras, por entender o processo, o surgimento da história administrativa, das grandes mentes brilhantes e seus tão conceituados livros, servindo como “bíblia” não apenas como referências bibliográficas, entender o processo do pensador, é fundamental para o crescimento, tanto de nós mero indivíduos quanto em sociedade.

Uma das experiências mais marcantes da minha vida acadêmica, teve início em 2015, como voluntária na Empresa Jrº, tive a oportunidade de fazer parte da equipe como Presidente, no ano seguinte. Foram experiências de trabalho, de consultoria, aplicação de questionários, pesquisa de mercado, tabulação, a importância dos dados e das relações tornaram-se mais essenciais que já estavam. Formamos um time muito bacana, com camisetas personalizadas, com registro de ata das reuniões, com previsões de tarefas, e por vezes não conseguíamos dar conta da demanda trazida. Os contatos eram feitos pelo público externo na Universidade, que entrava em contato conosco explicando a necessidade, o próximo passo era marcarmos uma reunião para troca de ideias, sempre em conjunto de um professor que nos auxiliava, dando suporte e credibilidade.

Com a crescente aceleração tecnológica, está mudando a maneira de composição das empresas, inclusive as novas formas de reuniões, a organização dos processos ajudou muito na minha visão empresarial. Organizamos eventos acadêmicos, e de certa forma posso dizer por todos do grupo, sentíamos importantes em representar a Universidade, um estágio dentro da própria Universidade.

Todos os estudantes, independente do curso, mas principalmente futuros Bacharéis de Administração deveriam passar pela experiência que passei, deveriam buscar novas formas de aprender, de se inserir, de arriscar, inclusive em eventos que não sejam específicos da sua área de atuação, aumenta sua visão e o fato de você sair da caixinha já vale a pena, e muito.

Hoje quase me formando, felicíssima na área e profissão que escolhi, não me vejo em outro lugar, administração tem em tudo, é essencial para a empresa, seja pequena, média ou grande, podendo ser Microempresário Individual ou concursado, não importa, importa a forma como você se reinventa, como aproveita as oportunidades que a vida lhe dá, isso vai deixar você mais fraco ou mais forte.

Equipe da Empresa Junior

Contribuição de:
Karla Letícia Morais da Silva
Estudante 7º semestre de Bacharel em Administração
Unijuí