Índice de Condição de trabalho do DIEESE piora para de 0,36 para 0,34.

O DIEESE, conceituado órgão que produz vários índices econômicos, criou o novo Índice da Condição do Trabalho (ICT-DIEESE) que é um indicador que busca sintetizar a situação do trabalho no país, em várias dimensões. ICT-DIEESE: ICT-Inserção Ocupacional, ICT-Desocupação, ICT-Rendimento.
O ICT entre 2º e 3º trimestre de 2019 diminuiu de 0,36 para 0,34 na passagem do 2º para o 3º trimestre de 2019, o que significou piora do mercado de trabalho no período. O resultado decorre principalmente da piora na Inserção Ocupacional (de 0,33 para 0,26) e, em menor intensidade, no Rendimento (de 0,44 para 0,42). Na dimensão Desocupação houve pequena melhora (de 0,31 para 0,33). Destaca-se que a Inserção Ocupacional apresentou, neste trimestre, o menor valor de toda a série histórica. Na dimensão Inserção Ocupacional, o resultado foi reflexo do aumento da ocupação precária, sobretudo do assalariamento sem carteira e trabalho por conta própria.

Este índice varia de 0 a 1. Quanto mais próximo de 1 melhor o resultado.
No período avaliado, a economia continua mostrando poucos resultados que possam prever melhorias substanciais a curto prazo.

mais detalhes em dieese.org.br

Vamos falar de Administração à partir do olhar de quem esta no interior do Brasil?

Nós aqui no Administradores.adm notamos que dos muitos colegas e estudantes que acompanham nosso trabalho aqui no portal vem de muitos locais do Brasil, e destes, uma quantidade considerável, vem de cidades pequenas e médias. Para listar algumas cidades de colegas que se inscreveram recentemente, entre outras, temos:
Caconde – SP – 19.000 habitantes;
Cianorte – PR – 100.000 habitantes;
Colômbia – SP – 6.000 habitantes;
Diamantina – MG – 42.000 habitantes;
Guapimirim – RJ – 57.000 habitantes;
Machado – PE – 42.000 habitantes;
Milagres – BA – 10.000 habitantes;
Pantano Grande – RS – 10.000 habitantes;
Paraguaçu Paulista – SP – 45.000 habitantes;
Paranaíba – MS – 40.000 habitantes;
Pirassununga – SP – 75.000 habitantes;
Rio Pomba – MG 18.000 habitantes;
Rolândia – PR – 64.000 habitantes;
Santa Tereza – ES – 23.000 habitantes;
São Bento do Sul – SC – 85.000 habitantes;
Terra Boa – PR – 17.000 habitantes;
Tietê – SP – 42.000 habitantes;
A nossa formação, nossos anseios profissionais (principalmente os mais jovens), a baixa qualidade média das formações, o mercado de trabalho que não é claro etc já nos coloca um caldeirão de conjecturas sobre o futuro e como progredir, quando estamos nos grandes centros que tem mais oportunidades. Como será então nos pequenos é médios municípios?

Queríamos fazer um convite para estes colegas e futuros colegas, que nos escrevam contando sobre a realidade da profissão em suas cidades. Gostaríamos de pensar uma forma concreta de ampliar esta discussão, de ajudar os mais jovens e de pensar como esta proximidade digital poderia nos ajudar a criar uma comunidade com este foco. Escreva sobre. Aguardamos seu contato.

Adm Edson Machado
Editor do Administradores.adm
contato@administradores.rio.br

Grupo Abril vende Revista Exame para o grupo BTG Pactual

Depois de ter sido vendido pela Família Civita à Calvary Investimentos, por simbólicos R$100.000,00 no ano passado, o Grupo Abril, que esta em recuperação judicial, vendeu ontem, em leilão, o ativo composto pela Revista Exame, o site da revista e a parte de eventos vinculados à revista.

Lançada à 52 anos atrás e uma das principais referencias em economia e negócios, a Revista Exame foi vendida dentro do plano de recuperação judicial do Grupo Abril.

A oferta de 72,3 milhões de reais, foi a única oferecida no leilão e partiu do Banco BTG que é o principal credor do Grupo abril onde detêm créditos na ordem de 1,1 Bilhões de reais..

Saiba como a vitória do Flamengo passou pela Administração.

Em homenagem ao Flamengo, que disputou e ganhou do River Plate da Argentina o mais importante título de futebol da America do sul, a Taça Libertadores de America, estamos disponibilizando a entrevista do Ex-presidente do Flamengo e também Administrador Eduardo Bandeira de Melo.

Bandeira de Melo durante a sua gestão à frente do Flamengo, iniciou uma reestruturação administrativo financeira no clube que saneou o Flamengo e permitiu que o clube hoje conseguisse a atual performance tanto na Libertadores, como no Brasileirão.

A entrevista foi concedida à ADMTV no inicio de sua gestão a cerca de 6 anos atrás. na entrevista ele fala de Administração e de como ser o principal executivo do Flamengo.

Projeto Mapa Brasil Afrotech

Quando falamos de Administração, alguns temas continuam sendo um pouco que tabus. A discriminação racial é um deles. No discurso de muitas empresas, vivemos a máxima da igualdade racial plena, do Brasil sem discriminação ou do “as empresas tem o direito de escolher quem serão seus empregados”. Na dura realidade a discriminação é velada, muitas empresas abrem mão da possibilidade de ter profissionais com grande potencial de trabalho por conta da condição racial. majoritariamente a discriminação é com os negros, mas também acontece com indígenas e outras raças.

Dentro deste quadro, vale a pena destacar algumas iniciativas que visam mostrar que o potencial de trabalho independente da questão racial. Um projeto em especial chama a atenção, trata-se de iniciativa da UNICAMP, que visa: ” disponibilizar aos pesquisadores e à comunidade um banco de dados, a conter informações qualificadas sobre desenvolvedores e participantes afro-brasileiros inclusos em projetos com características de inovação tecnológica e, em destaque, em componentes correlatos ao ambiente das novas tecnologias e mídias digitais”.

O Projeto Mapa Brasil Afrotech disponibiliza informações sobre profissionais e instituições que mostram o potencial e a capacidade de profissionais negros em todos o país. vale a pena conhecer cases como:

Nadia Ayad:
vencedora do concurso Global Graphene Challenge onde apresentou “apresentou a idéia de usar grafeno para um dispositivo de filtragem e um sistema de dessalinização que forneceria água potável para as famílias. Sua idéia reduziria significativamente os custos de energia e sobrecarregaria os suprimentos de água atuais, reciclando a água”.
veja em: https://www.sandvik.coromant.com/en-us/aboutus/lookingahead/pages/the-graphene-challenge.aspx

Ale Santos:
“Escritor de Ficção e Fantasia Afro-americana, que representou o Brasil em uma Antologia Mundial de Scifi (2013). Pesquisador de narrativas africanas, citado pela revista Piauí como o Cronista dos Negros no Twitter, é colunista da Vice Brasil, já colaborou com The Intercept Brasil e a Revista Superinteressante . Reconhecido pelas thread com narrativas afrocentradas que já alcançaram milhões de visualizações no twitter. Dá aulas de Gamificação na pós da ESPM e como consultor, além de desenvolver projetos para startups, foi um dos responsáveis por 5 edições da gamificação do maior evento de TI da América Latina, o IT Forum”.

Veja em: https://alesantos.me/

Vale do Dendê
A Escola Vale do Dendê oferta cursos, treinamentos, workshops e formações com foco no público corporativo e para o público geral. Usando metologias disruptivas e com os melhores consultores do campo da inovação e diversidade do Brasil, nosso braço educacional tem como objetivo aproximar os conceitos complexos criados no Vale do Silício e em outros centros de inovação para o público com menor poder aquisitivo. Nosso lema é “Inovação para Tod@s” e para isso realizamos parcerias com empresas e governos para levar cursos para as áreas mais populares do Brasil.

Veja em: http://valedodende.org/

Fonte: https://www.nied.unicamp.br/mapabrafrotech/